CUT TO > LISTAR NOTÍCIAS > AGÊNCIA DE NOTÍCIAS > SINTRAS COBRA DO ESTADO JORNADA DE SEIS HORAS PARA OS SERVIDORES DA SAÚDE

Sintras cobra do Estado jornada de seis horas para os servidores da saúde

28/09/2015

Escrito por: Assessoria de Comunicação

Não é a primeira vez que o Sintras leva a reivindicação ao governo, da redução da jornada diária de trabalho nos órgãos públicos do Estado, dos servidores da saúde.

No início desde Governo, o Sintras protocolou o ofício de nº 037/2015, da data de 6 de fevereiro deste ano, levando a reivindicação da categoria.

E novamente com ofício de nº 238/2015, encaminhado na última sexta-feira, 25, ao governador Marcelo Miranda, o sindicato volta a afirmar que a redução da jornada de trabalho traz benefícios tanto para os servidores, quanto para o Estado, exaltando ainda o momento de crise em que o Estado tem propagado desde o início deste ano.

“De tanto o Estado dizer que não tem implementação financeira para pagar os direitos dos servidores, então o caminho é economizar e nós enquanto representante dos servidores estamos afirmando que a redução da jornada de trabalho é uma das formas que proporciona a implementação financeira”, diz o presidente Manoel Pereira de Miranda.

E, ainda, conforme a diretoria do Sintras, para os servidores esta redução é de grande valia, pois traz maior qualidade de vida, harmonia familiar e em geral beneficia à saúde do trabalhador.

Diante do cenário político, isso tem sido reconhecido por outros órgãos públicos como alguns municípios do Tocantins, citamos a Capital Palmas, no intuito de reduzir gastos com a máquina administrativa através da redução da jornada de trabalho.

Quanto ao Estado a redução traz economia com vale-transporte, água, luz, telefone, combustível, desgaste de manutenção de veículos e demais gastos com custeio do funcionamento da “máquina administrativa”.

Além disto, respeitando o cumprimento das horas diárias mínimas, o Estado não fere a legalidade ao regulamentar a jornada diária de seis horas.

O ofício também foi encaminhado ao secretário da administração, Gefferson Oliveira Barros Filho, e ao secretário da saúde, Samuel Braga Bonilha.
FONTE: Sindicato dos Trabalhadores em Saúde no Estado do Tocantins

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha
Senadora Gleisi Hoffmann fala sobre a campanha "Anula Reforma"

http://anulareforma.cut.org.br

RÁDIO CUT

Copyright © 2013 CUT Central Única dos Trabalhadores - TO
Quadra 103 Norte, Alameda NO 11, Lote 11, Plano Diretor Norte - Palmas/TO - CEP 77001-036 - Tel.: (55 63) 3225-6040